quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Os relógios interativos lançados hoje

Galaxy Gear, Samsung:

O relógio da sul-coreana, programado para chegar às lojas em 25 de setembro, faz ligações e muda as funções apenas ao arrastar o dedo pela tela. Outros recursos funcionam integrados ao Galaxy Note 3, também apresentado nesta quarta-feira, 4.  
Quando você vê um e-mail no Gear e tira o Note 3 do bolso, por exemplo, o celular abre automaticamente o e-mail que você está vendo na tela do relógio. Ainda é possível responder mensagens e chamadas pelo relógio, basta levá-lo à orelha para ouvir, e aproxima-lo da boca para falar - não é necessário tirar o celular do bolso e nem "falar com o ar", como acontece com acessórios Bluetooth. Você ainda pode iniciar uma chamada sem tocar no celular.
Com uma função chamada S-Voice, o usuário fala com o Gear para mandar mensagens e fazer ligações, ou fazer perguntas como "vai chover hoje?". Até câmera fotográfica o dispositivo tem, e ele rodará seus próprios aplicativos.
A tela do Galaxy Gear tem 1,63 polegada (320x320) e ele conta com acelerômetro e giroscópio para reconhecer movimentos. Sua bateria aguenta pelo menos 25 horas, e será compatível com S3, S4, Note 2 e Note 3.
O processador é um single-core de 800 MHz, a câmera tem 1.9 MP e faz vídeos em HD (720p) - há dois microfones e uma saída de som. O Gear vem com conexão Bluetooth e tem 4 GB de memória interna, além dos 512 de RAM.
Ainda não há previsão de preço.



SmartWatch 2, SonyApresentado na IFA 2013, em Berlim, o novo relógio inteligente da Sony conta com NFC, uma tecnologia essencial para o conceito dos dispositivos, mas que não estava presente no primeiro modelo da fabricante.
O relógio tem algumas funções interessantes, como a opção de ativar a câmera de seu celular remotamente, e notificações de uma série de aplicativos, como o Gmail, Facebook e Twitter. 
O dispositivo tem tela de 1,6”, resolução de 220x176 pixels e trabalha com densidade de 176ppi. A bateria promete autonomia para três ou quatro dias, mas o dispositivo pode facilmente ser recarregado via USB. A novidade ainda é à prova d’água e tem certificação IP57.
O SmartWatch deve ser lançado “em poucas semanas” por € 180 – versões com pulseiras de aço custarão € 200. O preço para o Brasil ainda não foi divulgado. No Reino Unido, quem comprar o novo Xperia Z1 na pré-venda recebe o relógio de brinde.
Toq, QualcommA fabricante de chips também entrou para o mercado de tecnologias 'usáveis', mas em uma espécie de teste. A companhia pretende vender quantidades limitadas do relógio (apenas algumas dezenas de milhares), e esclareceu que não está tentando ser uma companhia de eletrônicos para o consumidor. 
"Nós queremos mostrar o que pensamos sobre como devem ser esses recursos e características de produtos de computação vestível", disse Rob Chandhok, presidente do Centro de Inovação da companhia.
Mesmo sem grandes pretensões, o dispositivo traz funcionalidades interessantes. Ele sincroniza com smartphones e exibe mensagens, ligações e outros alertas, como de calendário ou notificações do WhatsApp.
A pulseira do relógio é adaptável ao tamanho do pulso, e o aparelho conta com acelerômetro e microfones, que podem ser utilizados em aplicativos para corrida ou controlar músicas, por exemplo.
A bateria, que fica na pulseira, dura entre três e cinco dias e recarrega sem fios – basta aproximar o aparelho de um dock que vem junto com o relógio. Um par de headphones Bluetooth também acompanha o smartwatch, que será vendido nas cores preta e branca.
O Toq já está disponível para pré-vendas e deverá ser lançado em 10 de outubro por US$ 300. 
Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/37309/37309

Nenhum comentário:

Postar um comentário